Perigos na estrada

Sempre me ensinaram que o carro, as motos e afins, são meios de transporte de pessoas e não exibição. Infelizmente, porém, não é isso que se vê nas nossas estradas.

Ha condutores, nomeadamente os mais jovens, que pensam que o automóvel é um meio de exibição é um meio de engate. Quanto mais depressa andam mais depressa andam, mais probabilidades têm de conquistar uma miúda e entre os maigos são apelidados “grandes” condutores.

Depois saiem-se com com afirmações do género, para os que cumprem as regras de velocidade: “Tu até não és um mau condutor. Faltam-te é tomates!”.

Então pergunto eu: o que é ter tomates? Andar a 100km/h nas cidades? Fazer uma corrida com o futuro TGV a ver quem chega primeiro ao Porto?

Na minha escola de condução, ensinaram-me que havia regras a cumprir. O bom condutor é aquele que é seguro e não o exibicionista. No entano, enquanto somos jovens, o fruto proibido é o mais apeticido para muita gente louca que anda por aí. Só desejo ardentemente que os nossos amigos com “pé pesado” não contribuam para cada vez mais sinistralidade nas estradas portuguesas.

Miguel Pereira

About these ads

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s


Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: